Câmara aprova indicações ao executivo e reforça apoio a agricultores

CANAÃ DOS CARAJÁS

A Câmara Municipal de Canaã dos Carajás realizou, nesta terça-feira (16), a 11ª Sessão Ordinária de 2019. Na data, os vereadores utilizaram a tribuna para reforçar o apoio aos agricultores da Serra do Rabo, localizada na zona rural de Canaã. Os produtores rurais pedem que a Vale e o Instituto Chico Mendes (ICMBio) cumpram condicionantes acordadas para a criação do Parque Nacional dos Campos Ferruginosos.

No mesmo dia, os parlamentares já haviam se reunido com os produtores rurais e com os representantes da mineradora e do instituto para tratarem do assunto. A pauta dos agricultores é a regularização fundiária do setor, visto que os moradores daquela comunidade estão impedidos de produzir desde que o Parque foi criado, há quase quatro anos.

Advogado da Associação dos Produtores Rurais da Serra do Rabo, Vinicius Borba falou durante o Grande Expediente. “Essas pessoas não podem mais esperar. Já são muitos anos aguardando essa indenização ou remanejamento para outra área e até agora nada. Estamos pedindo que seja cumprido o que foi acordado, que era o atendimento a esses produtores. O progresso precisa continuar, mas a vida dessas pessoas também. A Vale precisa resolver essa questão!”

O vereador Anderson Mendes reafirmou a sua posição favorável à causa dos agricultores. “Não é fácil lutar contra a Vale, mas, às vezes, é necessário. Ao que parece, não temos o apoio do prefeito nessa luta, mas nós vamos envolver o governo do estado, deputados e quem mais for preciso.”

Gesiel Ribeiro fez uma reflexão sobre o tema. “Esse assunto é complicado e quem mais está sendo prejudicado são essas pessoas. A Vale sempre consegue o que quer, pois tem um poder enorme e muito dinheiro. Do que adianta sair milhões de toneladas de minério daqui se o povo não está sendo beneficiado? Precisamos buscar uma solução para que nosso povo tenha liberdade para produzir novamente.”

Vânia Mascarenhas também se colocou à disposição para a luta. “Nós vamos à Brasília na próxima semana buscar uma solução para esse problema. Eu acredito que as coisas são fáceis de resolver basta boa vontade; quando não há, é necessário que a gente cobre e é isso o que faremos.”

Por sua vez, Maria Pereira também falou. “Podem contar com todos os gabinetes dessa Câmara. Todos os vereadores são favoráveis a essa luta e não vamos abrir mão.” João Nunes lembrou o quão fundamental é a resolução dessa problemática. “Essas pessoas vivem da terra e precisam produzir para ter o que comer; portanto, não dá mais para esperar.”

O presidente Wilson Leite lembrou que, uma vez resolvida a situação dos agricultores, renda será gerada. “A produção agrícola é fundamental, pois gera emprego, renda e alimenta essas famílias. Hoje, a nossa maior demanda é emprego; todas as pessoas que nos procuram querem isso e precisamos lutar pra resolver essa questão. Essa Casa de Leis deve se posicionar nesse sentido.” Wilson também destacou que “enquanto o minério não for verticalizado, a cidade vai sofrer com o desemprego.”

Indicações aprovadas

Ainda na ocasião, os vereadores aprovaram, por unanimidade, três indicações ao executivo. Veja quais:

Indicação nº 022/2019 – autoria do vereador Rael da Marcenaria – Indicando ao executivo municipal para que proceda com a instalação de climatizadores de ar no Mercado Municipal. “São vários clientes que visitam o mercado e sofrem com o excessivo calor. Essa não é a primeira vez que faço a indicação e acredito que ela seja viável para o governo municipal.”

Indicação nº 007/2019 – autoria do vereador Anderson Mendes – indicando ao executivo municipal que faça um estudo, por meio de um Projeto de Lei, para a redução do valor da iluminação pública em Canaã. “Hoje as pessoas vivem uma situação difícil e dramática em Canaã, pois o desemprego é grande e os valores estão muito altos. As pessoas não têm condições de pagar esse preço, por isso é fundamental que o poder executivo reveja essa situação.”

Indicação nº 039/2019 – autoria do vereador João Nunes  – indicando ao executivo municipal  a pavimentação asfáltica e a rede de esgoto e água potável no bairro Jardim América. “Aquele bairro carece de infraestrutura. É necessário que o asfalto chegue para aquelas famílias, bem como água potável e esgoto. Isso representa qualidade de vida para centenas de pessoas.”

Próxima Sessão

Na próxima terça-feira (23), os parlamentares se reunirão para a 12ª Sessão Ordinária de 2019, às 18h

(Ascom/CMCC)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *