Três semanas depois de liberada, maconha está em falta no Canadá

Alta procura zerou o estoque em muitas lojas do país. Alta produção é proibida, mas deve ser liberada em breve

Menos de 1 mês após a regularização do consumo da maconha no Canadá, o produto já está em falta na maior parte do país.

Desde a legalização do uso recreativo , em dia 18 de outubro, a demanda pela erva foi maior do que os estoques das lojas com permissão para venda.

As principais províncias afetadas são Ontário, Quebec e Nova Brunswick. A falta de estoque levou ao fechamento temporário de lojas autorizadas. Comerciantes esperam o aumento da produção legal para poder abastecer os estabelecimentos.

De acordo com o Health Canada, departamento governamental canadense responsável pela saúde, 132 pessoas receberam autorização para fornecer a droga para varejo, porém somente 78 estão licenciadas.

A dificuldade de encontrar maconha dentro da lei tem levado usuários a procurar a erva no mercado negro, contrariando as expectativas do governo.

Enquanto donos de loja amargam a falta da maconha, a alternativa é a venda de artigos relacionados ao fumo – bongs, isqueiros e afins.

(Com informações do Poder 360)

COMENTE VIA FACEBOOK

Post Author: Israel Morais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *