Assaltante é preso por PM à paisana em Canaã


Jaime Alves da Silva assaltou um salão de beleza no centro da cidade, roubou a motocicleta da proprietária e já enchia o tanque para fugir da cidade quando foi surpreendido por um PM que estava no local




Deu ruim para Jaime Alves da Silva!


Na tarde deste sábado (9), enquanto muita gente trabalhava em um salão de beleza, Jaime achou que poderia se dar bem assaltando o lugar. Tocando o terror, o homem, com um simulacro de  pistola em mãos, assustou clientes e trabalhadores do local. Por lá, dinheiro, celulares e uma máquina de cartão foram para o saco. Para fugir, Jaime utilizou a motocicleta da proprietária do salão localizado na rua do hospital municipal.

Segundo informações, a dona da motocicleta pediu que um vizinho a ajudasse a recuperar o veículo. Seguindo o ladrão, o homem viu quando ele parou para abastecer em um posto localizado no bairro Novo Horizonte. Fingindo que nada tinha acontecido, Jaime, o criminoso, pediu que o frentista enchesse o tanque. Ao perceber a aproximação de pessoas para recuperar o veículo, Jaime sacou a arma para seguir com seu diabólico plano.


 No entanto, o que ele não sabia é que o soldado Tomaz, da Polícia Militar, estava no posto, à paisana, e flagrou a ação. O PM ordenou que o homem parasse e se rendesse, mas Jaime abandonou a moto e seguiu a pé. O soldado perseguiu e atirou na direção do meliante, mas ninguém ficou ferido.

Jaime só foi pego em frente ao prédio da Moreira Empreendimentos, com a ajuda da população. Lá, ele foi rendido e aguardou, sob vigilância atenta do soldado, a chegada da viatura da polícia. Em seguida, o homem foi levado para a Delegacia de Polícia e falou. “Assaltei porque eu queria ir embora de Canaã, já estava abastecendo para ir embora para minha cidade.” Jaime afirmou ter vindo do município de Tailândia.



O assaltante frustrado segue agora preso e aguarda decisão da justiça.




Um comentário:

Tecnologia do Blogger.