Em coletiva de imprensa, Sicredi esclarece nota do Banco do Brasil

A nota emitida pelo Banco do Brasil afirmava que o Sicredi estaria apto a realizar serviços como um correspondente bancário do banco público. Por conta da informação confusa, um grande alvoroço se formou por alguns dias no prédio da instituição
A cooperativa Sicredi reuniu, na tarde desta quarta-feira (2), boa parte da imprensa de Canaã dos Carajás para fazer um esclarecimento sobre uma nota divulgada pelo Banco do Brasil. A nota emitida pelo banco público afirmava que o Sicredi funcionava como um correspondente da entidade e, portanto, estaria apto a realizar saques em conta corrente, poupança, benefícios do INSS, depósitos e consultas de saldos e extratos.
O esclarecimento aconteceu durante um café-coletiva com representantes jornalísticos da cidade. Na oportunidade, a marca Sicredi foi apresentada aos presentes. Atuando no mercado há 29 anos, a cooperativa é uma das maiores em atividade no Pará e Mato Grosso. Presente no evento, o diretor-executivo da instituição, João Coelho Pinheiro, falou sobre os serviços oferecidos pelo banco e deixou clara a área de atuação da entidade.
A nota divulgada pelo Banco do Brasil causou grande alvoroço e muita gente se dirigiu até o prédio do Sicredi ansioso por um atendimento que a instituição não tinha condições de fazer. “Diante do que ocorreu, entendemos, enquanto cooperativa, que seria necessário visitar a cidade e fazer esclarecimentos. Também queremos ouvir a problemática e tentar buscar soluções que minimizem um pouco os impactos na comunidade onde a gente atua. As informações passadas pelo Banco do Brasil não condizem com a verdade” explicou o diretor-executivo.
Lucyano Pizzato, gerente regional do Sicredi, explicou que há realmente um convênio firmado entre as duas entidades bancárias, mas que abrange apenas a arrecadação, ou seja, recebimento de FGTS, tributos estaduais e municipais. Além disso, os títulos, boletos e convênios são limitados ao valor de R$ 2 mil por documento e R$ 10 mil por dia. Os outros serviços não são realizados em Canaã e nem em nenhuma agência da cooperativa.
Confira a nota na íntegra:
A agência do Banco do Brasil em Canaã dos Carajás retomou o atendimento negocial no dia 09/04/2018, restando suspenso o atendimento com numerário (papel moeda) até a recomposição dos equipamentos de segurança obrigatórios, ainda sem previsão de regularização.
Na cidade de Canaã dos Carajás os clientes e usuários do BB também contam com duas casas lotéricas e o correspondente bancário SICREDI, além do Banco Postal, que foi sinistrado uma semana depois do BB e permanece fechado.
Casas Lotéricas:
GUIA DA SORTE
Serviços: Saques, Extratos e Saldos
Endereço: Rua do Mogno, Centro, Canaã dos Carajás – PA

LOTÉRICA ESTRELA DO ORIENTE 
Serviços: Saques, Extratos e Saldos
Endereço: Rua J, Centro, Canaã dos Carajás – PA.
Correspondente Bancário BB:
SICREDI 
Serviços: Saques em conta corrente, poupança e benefícios INSS, depósitos, pagamentos de títulos, boletos e convênios, extratos e saldos.
Endereço: Av. Weyne Cavalcante, 480, Centro, Canaã dos Carajás – PA.
Sobre a nota divulgada, João disse acreditar que não houve má-fé por parte do Banco do Brasil. Segundo ele, o que faltou foi apenas uma análise individual dos serviços prestados pelas instituições conveniadas. “Cremos que eles não fizeram isso para criar um transtorno, mas acreditamos que na hora de divulgar eles apenas devem ter olhado o que é previsto um credenciado fazer, mas aí no nosso caso existem as restrições, o que pode ser diferente para um agente postal. Nós não somos um correspondente completo.”

Post Author: Israel Morais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *